Blog

Buscar um urologista não tem idade e nem sexo

Buscar um urologista não tem idade e nem sexo

Muitas pessoas pensam que apenas homens depois dos 30 ou 40 anos é que devem buscar uma consulta com o urologista. Outros pensam que devem procurar o profissional apenas quando chega o momento de fazer o tão temido exame do toque retal – muito importante no diagnóstico do câncer de próstata. Mas isso é um engano.

O urologista atende pessoas de todos os sexos e de todas as idades. Essa é a especialidade da medicina responsável pelo tratamento dos problemas relacionados ao trato urinário de homens e mulheres e as patologias sexuais e reprodutivas do gênero masculino. Ou seja, as mulheres também devem ficar atentas aos problemas em seu trato urinário e em caso de qualquer sintoma, buscar uma consulta com o urologista.

A quem pense também que apenas adultos devem se consultar com os urologistas. Algumas situações de alerta para a busca do especialista no caso das crianças são:

  • Durante a gestação, ao sinal de alterações nos rins, na bexiga ou na genitália do feto;
  • Bebês e crianças que apresentem alteração na genitália (masculino) ou no trato urinário;
  • Bebês e crianças que apresentem um quadro de infecção urinária, mudança no funcionamento da bexiga ou na frequência de micção.

Diferentes áreas de atuação

O campo de atuação do médico urologista é bastante extenso. Nós somos responsáveis pelo diagnóstico e tratamento de doenças do trato urinário de ambos os sexos, além de realizar diagnóstico e tratamento relacionados às adrenais (também conhecidas como glândulas suprarrenais).

Mas a atuação dos urologistas não para por aí. Falando especificamente sobre o sexo masculino agora, é esse especialista que lida do sistema reprodutor dos homens – formado pela próstata, testículos, pênis, vesículas seminais, ductos deferentes e epidídimo. Falando em sexualidade, tratamos também de questões como fertilidade, ejaculação precoce, disfunção erétil e tratamento de DST (Doença Sexualmente Transmissível).

Alguns dos ramos que o urologista pode atuar são:

  • Andrologia: cuidado especificamente com o sistema reprodutor masculino, incluindo sua função sexual e os hormônios envolvidos.
  • Urologia feminina: especialidade em cuidar do trato urinário de mulheres.
  • Urologia pediátrica: especialidade em cuidar do trato urinário em crianças.
  • Uroneurologia: cuidado especial em casos de doenças urinárias, consequentes de distúrbios neurológicos.
  • Uro-oncologia: diagnóstico e tratamento de tumores urológicos.

Para homens e mulheres

Alguns dos problemas relacionados ao trato urinário que nós, urologistas, tratamos são: incontinência urinária, cálculos renais, tumores nos rins ou na bexiga, infecções urinárias, dentre outros problemas. E todos eles afetam homens e mulheres. Esse é mais um dos motivos pelo qual pacientes de todos os sexos devem fazer, com certa regularidade, o seu check-up urológico.

No caso da incontinência urinária, as estatísticas mostram que uma grande porcentagem dos pacientes é do sexo feminino. Segundo estimativas, a proporção de mulheres com o problema é de nove para um, em relação aos homens. O problema atinge ainda 40% das grávidas e 35% das mulheres que estão no período da pós-menopausa.

Já os homens, além dos problemas relacionados ao trato urinário, também devem procurar o urologista quando questões envolvendo o seu sistema reprodutor. Já as mulheres, devem recorrer ao especialista apenas para os problemas urinários, ficando com o ginecologista a função de cuidar de seus órgãos sexuais.

Importância do check-up urológico

Apesar de importante, a expressão “check-up urológico” ainda não faz parte do cotidiano da maior parte da população. Assim, doenças que começam mais silenciosamente correm o risco de se desenvolverem sem o conhecimento do paciente.

Na infância, quando sugeridos pelos pediatras, mães e pais ainda costumam levar os seus filhos para uma consulta com o urologista pediátrico, onde exames específicos são feitos. Na adolescência, porém, os rapazes começam a se afastar da especialidade, havendo uma queda considerável no número de consultas preventivas.

E, para quem não sabe, o check-up urológico pode ser feito em todas as idades. Confira:

03 a 11 anos: acompanhamento do desenvolvimento dos órgãos genitais do menino, avaliação para identificar os casos de fimose que necessitarão de cirurgia, acompanhamento de casos de enurese noturna ou outras disfunções urológicas.

12 a 19 anos: avaliação física, orientação sobre a anatomia dos órgãos genitais e sexo seguro, informações e tratamento de doenças sexualmente transmissíveis, disfunções urinárias, ejaculação precoce, dentre outras questões.

20 a 50 anos: avaliação física geral e exames preventivos do câncer de testículo e do câncer de próstata (principalmente quando há histórico na família), ejaculação precoce, disfunção erétil e assuntos relacionados à fertilidade masculina. A partir dos 40 anos, os exames preventivos do câncer de próstata devem ser feitos anualmente: toque retal e o teste PSA.

Acima de 50 anos: realização dos exames rotineiros de prevenção aos cânceres de próstata e testículo. Informação e tratamento nos casos de andropausa e reposição hormonal masculina, incontinência urinária, impotência sexual e outros.

Especialidade mais próxima a você

Agora que você já conhece quando buscar o auxílio de um urologista, a minha sugestão é que busque por um profissional que atenda próximo de onde você mora. A maior parte dos meus pacientes, por exemplo, são de Salvador ou de algum município da Região Metropolitana de Salvador. Isso facilita, principalmente nos casos em que haja uma urgência de contato com o urologista, como em uma torção testicular, por exemplo.

Apesar de ainda enfrentar muito preconceito do público masculino, a especialidade não é difícil de encontrar. Quando pensei em montar o meu consultório no Itaigara, foi com o objetivo de facilitar a chegada dos pacientes, pois fica em uma região central na capital baiana.

Aqui, atuamos com agendamento para oferecer mais comodidade aos nossos pacientes. Oferecemos consultas para muitas subespecialidades da urologia, permitindo que você possa realizar tratamentos diversos em um mesmo lugar. Atendemos a: urologia geral, uroginecologia, câncer de próstata, varicocele e infertilidade, cálculo urinário, disfunção erétil, vasectomia, HPV e outras DST’s.

É importante uma atuação preventiva também, para identificar a presença de possíveis doenças. Por isso, recomendo um check-up periódico para prevenção e diagnóstico. Em nossa clínica, oferecemos exames diversos para a sua avaliação urológica: avaliação urodinâmica, urofluxometria, genitoscopia, eletrocoagulação de lesões cutâneas, litotripsia extracorpórea e outros.